Fórum

Use o software com a ajuda das discussões compartilhadas com a comunidade de usuários

TonyC

Possíveis casos de labilidade (estrutura lábil)

TonyC 2016-02-16 11:53:21


Abro este debate para listar uma serie de possíveis erros de modelação que podem ser a causa de possíveis labilidades em um cálculo estrutural.

As possíveis causas de labilidades podem ser devidas a:

1) Errada alteração dos vínculos internos das barras. Um erro muito freqüente é o levantamento de vigas em consola (clicar no link para ver um exemplo de modelação não correta: vínculos internos consola). Por as viga em consola o vínculo interno da viga deve ser solidar em ambas extremidades (S;S;S;S;S;S).
Para estar seguros que a labilidade é devida a modificação incorreta dos vínculos internos, aconselhamos restaurar o vínculo “Solidário (nós inicial e final)" para todas as barras do elemento e intentar novamente o cálculo.

2) Incorreta modelagem das escadas. Um erro muito freqüente é a falha na conexão da escada com os elementos estruturais do plano, ou a falha da sobreposição das escadas em rampas de laje no caso de configurações em planta de "L", de "C", etc. (clique o link para ver um exemplo de incorreta modelação: escadas, modelo incorreto). Para ter a certeza que a labilidade é devida a esta razão é aconselhável eliminar a geração da estrutura de todas as escadas e tentar calcular novamente.
No caso de configurações em planta de "L" ou de "C", è oportuno que os patamanes das rampas se sobreponham como mostrado na imagem anexada: escadas, modelo correto.

3) Incorreta modelagem das vigas de ligação entre sapatas/ Encabeçamentos de Estacas. Um possível erro de modelagem é mostrado na imagem no anexo: vigas de ligação. As vigas de ligação devem ser inseridas como vigas de “Elevação” e desenhadas para unir os centros das respectivas sapatas que se querem ligar. Para mais detalhes consulte o seguinte debate: forum.accasoftware.com/ptb/edilus/id21863/fundacoes-com-sapatas-e-vigas-de-ligacao.html

4) Apoio de uma viga realizada entre dois Cordões estruturais cfc. (veja imagem anexada: apoio viga sobre cordão não estrutural cfc ). O "Cordão não estrutural cfc" não é um elemento estruturais e portanto não é um elemento apto para poder suportar uma viga (que em vez disso é um elemento estrutural). Nesse caso é apropriado substituir o " Cordão não estrutural cfc " com um elemento estrutural de tipo viga.

5) Terreno não atribuído as vigas de fundação. Isto significa analisar uma estrutura sem nenhuma conexão com o solo. É suficiente uma simples verificação visual para entender si foi definida de maneira correta a estrutura de fundação. De fato o programa cora com uma tonalidade mais escura a viga de “fundação” em comparação com as vigas de elevação. Veja imagem anexada aqui: vigas de fundação.

6) Vigas que não se apojam em outras vigas (veja imagem anexada aqui: apoio viga sobre viga errado). Uma simples verificação consiste em verificar se a viga “portante" se divide no ponto de interseção com a viga suportada (veja imagem anexada aqui: apoio viga sobre viga correto)

As instruções acima representam somente os casos mais freqüentes. Não está excluído que possam existir outras situações não cobertas aqui e que possam levar a um erro de labilidade ao cálculo das solicitações.